FORMAS DE TRIBUTAÇÃO EM FRANQUIAS DE FAST FOOD

Edna Torres de Araujo

Resumo


Esta pesquisa teve como objetivo analisar a melhor forma de tributar franquias fast food, para isso, optou-se por uma análise comparada entre as formas de tributação lucro real e o lucro presumido. A metodologia utilizada para elaboração desta pesquisa foi o estudo de caso aplicado na Rede Azulino, empresa voltada ao seguimento de postos de combustível, conveniências e franquias, a amostra para aplicação da pesquisa foi uma franquia fast food em um Shopping de Belém do Pará, cuja análise foi qualitativa, a técnica de analise utilizada para exploração e interpretação da coleta de dados foi a análise de conteúdo que se aplicou nas informações obtidas por meio de entrevistas aplicadas aos gestores da organização e as profissionais de contabilidade e auditoria da empresa, além da análise documental realizada nos documento, dados e informações recebidos pela empresa, o resultado da pesquisa se deu com a conclusão de que a melhor forma de tributação voltada ao setor de franquias fast food é pela Tributação do Lucro Real pois garante maiores benefícios a gestão e diminuição relevante nos custos com a carga tributária e ainda possibilita a regularidade da empresa com o fisco e informações importantes para tomada de decisão.

Palavras-chave: Franquias fast food, Formas de Tributação, lucro Real, Lucro Presumido.

Eixo-temático: Gestão Organizacional na Amazônia: Desafios e Oportunidades

Palavras-chave


Franquias fast food, Formas de Tributação, lucro Real, Lucro Presumido

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.